Meknes, Património Mundial (dia 2)

Depois da nossa primeira noite em Marrocos, com toda a segurança, esperáva-nos a primeira visita a uma cidade e logo com o selo da UNESCO.

Veja o nosso vídeo

Subscreva o nosso canal Viagens e Aventuras aqui para ser o primeiro a ver os vídeos das nossas aventuras!

Uma cidade pequena e calma mas muito interessante. Subscreva o nosso canal Viagens e Aventuras

12/4/2019 Estação de Serviço Total – Meknes

Primeira noite passada numa estação de serviço, no luxo de cada uma das nossas Autocaravanas Roller Team! Sem problemas nenhuns até agora. Tirando a existência de uma mesquita, era uma estação de serviço como uma qualquer que existe na Europa.

Mais uma vez tirar as filhas pequenas da cama é um desafio que só os pais sabem o que é mas lá conseguimos. Mas sempre mais tarde do que esperado…

Altura para tomar contacto com os marroquinos. Vamos abastecer! Coloquei logo do melhor gasóleo! Daquele que custa uma fortuna na europa. Disse o empregado que era o melhor para a autocaravana e que era mais económico! Mesmo do mais caro estamos a falar de 1€/Litro! Foi da maneira que testei se o mito de que o gasóleo mais caro é melhor e mais económico (posso já adiantar que deve ser mesmo um mito pois não notei nada de diferente).

Hora de dar uma vista ao plano que tinha traçado e que era de ficar a primeira noite am Asilah mas que acabou por não acontecer. Agora que já temos internet, Dirhams e estávamos na Autoestrada decidimos não ir a Asilah. Podia ficar para a vinda ou para outra vez.

Relembro que tínhamos dois objetivos a cumprir:

  • Marraquexe pois uma das autocaravanas tinha que regressar mais cedo
  • Deserto

Tinha pensado algo como Asilah – Rabat – Casablanca – Marraquexe. Decidimos partir para Rabat e fizemo-nos à autoestrada A1!

Passadas algumas horas de condução, já a chegar a Rabat, nova paragem para almoçar. Em conjunto falamos da experiência que até agora de aventura ainda não tinha sido grande, pois ao contrário do que estávamos à espera, tudo muito parecido com Portugal tirando as questões de invasão da Autoestrada. Queríamos mas aventura! Nestas autoestradas do litoral tudo era demasiado parecido com Europa. Face aos constrangimentos de tempo da autocaravana que nos acompanhava e ao facto de já estar mais confiante para regressar sozinha, decidimos mudar o plano e ir em direção a Fez para ver se a aventura começava a apimentar!

Estação de Serviço TOTAL – Meknes parque junto do Royal Golf

Continuamos na A1 sem grandes sobressaltos até sairmos para N6 em direção a Meknes e Fez. Estrada muito movimentada face à proximidade de Rabat. Não falta nada. Até MCDonalds! Montanhas de pessoas nas bermas como se nada se passasse! Aqui comecei de facto a perceber que a aventura estava a intensificar-se.

Fomos andando… Por cada ponte e/ou viaduto que passávamos havia um polícia! Falta de segurança parece não haver!

E lá chegamos a Meknes! Estava em festa!

Uma pequena paragem para ver onde estacionar as autocaravanas. Várias opções mas uma delas a minha preferida pois era mesmo no centro e ao lado do campo de golf real com vigilancia “real”! Bem classificado e com bons comentários. Aqui vamos nós (o itinerário em cima leva-nos diretamente para lá).

Nota: A localização no park4night não está correta. A da imagem em baixo é a correta embora a localização não seja essa. A correta é a indicada junto da Prisão Kara!

Parque no centro de Meknes onde estacionamos e pernoitamos sem nenhum problema.
Já estamos estacionados! Conseguem ver-nos? Somos as duas da direita!

O parque estava cheio de autocaravanas e não só! Veio logo ter comigo a pessoa que guarda o parque a perguntar se queríamos ficar a pernoitar. Disse-lhe que sim e perguntei se era seguro. Ele muito simpático disse que além de estarmos ao lado da guarda real, ele próprio iria estar toda a noite no parque e que não havia nenhum problema.

Em Marrocos não há parquímetros mas sim pessoas que fazem muito mais do que os parquimetros mas que é necessário gratificar. E estão lá para ajudar!

Este parque é apenas um parque e sem nenhum serviço. Está mesmo ao lado do centro mas é muito sossegado à noite. Mesmo por trás fica o monumento que pode ser visitado da Prisão Kara (não visitamos). Ao lado o Mausoléu Moulai Ismail também visitável mas que também não fomos. Também ao lado da porta Bab Mansur el Aleuj e da praça Lahdim Square e da medina.

Mesmo ali ao lado as umas charretes todas coloridas puxadas a cavalo para dar uma volta e começamos logo por aí: Meknes cá vamos nós!

Uma voltinha pela cidade neste “coche” todo colorido.

Fomos dar uma volta por Meknes. Já era final da tarde e a cidade estava calma sem grandes confusões. O guia levou-nos aos pontos mais importantes como o palácio do Rei que ainda é frequentado pelo próprio, antigos estábulos reais, lago Bassin Souani, e outros. Apenas vimos de passagem. Não visitamos pois eram pagos e não nos pareceu de grande interesse. A maior parte do visitável eram ruinas.

Porta do Palácio Real – Não esquecer que não se pode fotografar a polícia real!
Ruínas dos Estábulos Reais e lago artificial Souani

Depois do passeio voltamos ao parque e arrancamos a pé para a praça Lahdim que dá acesso à medina.

Medina de Meknes

Já entramos na medina de Meknes um pouco tarde e a maior parte das “souks” já estavam fechadas ou a fechar. Aproveitamos e fomos dar uma volta nas ruas do comércio “normal” e aproveitar e abastecer pão para a noite e pequeno almoço. Percebemos que nesta parte da cidade não era muito turística pois era dificil encontrar alguém que percebesse francês. Mas havia sempre alguém de marrocos mais jovem para nos ajudar! O mais engraçado que retive foi ver os cafés cheios mas só com homens! Nem uma mulher!

Depois desta caminhada voltamos ao parque para jantar e descansar um pouco.

De volta ao parque para passar a noite!

E assim aconteceu a visita à primeira cidade de Marrocos. Uma das cidades imperiais, património da UNESCO e com muito para visitar. Não quisemos visitar tudo e optamos por sentir a cidade e os seus habitantes que em tudo é diferente do que estamos habituados. Cidade calma e acolhedora. Acertamos no alvo ao fazer esta alteração de planos.

Mais informação da história de Meknes em: https://www.visitar-marrocos.com/meknes/

Amanhã vamos para Fez!

2 thoughts on “Meknes, Património Mundial (dia 2)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s